24 de agosto de 2016

Benefícios da Amora

São pequenos pedacinhos doces, uma delícia ao paladar, e também para a saúde. Amoras são um fruto de Verão, que muita gente gosta de comer, e de ir apanhar no meio dos arbustos, e que valem a pena todas as arranhadelas. Já tinha feito aqui uma publicação onde partilho link de receitas, e o meu gosto por estes frutos deliciosos.



1- São muito benéficas para a saúde, pois possuem um alto teor de nutrientes, tais como: Potássio, Vitamina A, Ferro, Magnésio, Zinco, Fibras, antioxidantes, etc, que auxilia na prevenção de inúmeras doenças.

2- Ao serem ricas em Ferro, protegem contra a anemia.

3- As amoras melhoram a circulação sanguínea, purificam o sangue, logo, excelentes aliadas na redução do mau colesterol, que trazem as doenças associadas. Boas para o coração.

4- Por possuir antioxidantes, são fortes aliadas para a protecção da saúde dos olhos,protegendo-os de radicais livres. Fortalece e nutre o cabelo, e promovem um cérebro saudável, auxiliando na memória. 

5- Reforça o sistema imunológico, tornando-o mais forte, evitando assim doenças como gripes e constipações. Uma excelente fonte de vitamina C.


Curiosidades

* São um fruto de origem Asiática, que veio para o Continente em meados do século XVII;
* Existem amoras de diferentes tamanhos;
* Existem amoras brancas, vermelhas e pretas;
* São pouco calóricas (cerca de 45 kcal por 100 gramas);
* As amoras pretas contêm mais benefícios;
* Amadurecem de Julho a Outubro (mas o seu pico de apanha é em Agosto);
* São frutos de arbustos (silvas) que podem chegar aos 3 metros. 

23 de agosto de 2016

Arroz seco aromático

Adoro arroz, devo ser descendente de chineses, mas é verdade, é o meu acompanhamento favorito. E quanto mais aromático melhor. Eu uso muito açafrão e caril, e em arroz está no topo das minhas preferências. Este é o acompanhamento perfeito. Um arroz solto, e de sabor forte e característico.


















Ingredientes (serve 8 pessoas)

1 tigela (280 gramas) de arroz Basmati 
2 colheres (sopa) de azeite
4 dentes de alho
1 folha de louro 
1 colher (café) de cúrcuma 
1 colher (chá) de caril em pó
1 colher (café) de pimenta preta
1 colher (café) de sal marinho 
1 colher (sopa) de salsa fresca picada

Preparação 

Num tacho coloque o azeite, os alhos laminados, e a folha de louro.
Leve a ao lume e deixe refogar, apenas uns segundos (sem deixar dourar).
Junte o arroz e deixe fritar um pouco, mexendo (sem deixar queimar).
Adicione todas as especiarias e a salsa, misture bem, para fazer realçar o sabor.
Junte 2 tigelas de água (a mesma medida do arroz), ou seja, 1 tigela de arroz, 2 de água. 
Mexa, e deixe ferver 1 minuto. 
Tape, coloque o lume no mínimo, e deixe cozinhar 10 minutos (sem mexer).
Retire do lume, e deixe repousar 5 minutos (tapado). 
Com um garfo separe os grãos de arroz cuidadosamente, para que fique bem solto. 

Notas: Eu lavo o arroz sempre passando por água num coador, até a água sair limpa. Na minha opinião ajuda a ficar ainda mais solto. Durante a cozedura não levante a tampa. 


Bom Apetite!


21 de agosto de 2016

Músicas para ouvir enquanto se cozinha...

Eu não sei quanto a vocês, mas não consigo estar na cozinha em silêncio, é como se ficasse num estado de melancolia. Como não tenho televisão (a marota avariou), uma música de ambiente pelo menos é obrigatória, e preferível a qualquer programa de televisão. Eu tenho um gosto muito ecléctico no que diz respeito a estilos de música, e vão ver pela minha selecção isso mesmo. Mas contem-me, vocês também gostam de ouvir música enquanto cozinham? Ou gostam do silêncio? Partilhem comigo as vossas músicas favoritas na hora de fazer o laço ao avental, vou adorar saber e quem sabe adicionar algumas à minha lista! 




Deliciem-se com as algumas das minhas preferências...

The Way You Look Tonight - Frank Sinatra 

Fly Me To The Moon - Frank Sinatra 

Something Like That - Tim McGraw 

I Like It I Love It - Tim McGraw 

Chocolate com pimenta - Deborah Blando 

Jeito de Mato - Paula Fernandes 

Kiss Me - Sixpence None The Richer

I'm A Believer - Smash Mouth 


Playlist

17 de agosto de 2016

Crinkles de chocolate

Crinkles de chocolate são estaladiças por fora, com um interior mole e textura de bolo. Uma perdição, e difícil mesmo é comer só uma. Por serem cobertas com açúcar em pó, ficam com este aspecto rústico ao cozer no forno (dai o nome Crinkle)...são deliciosas! Afinal se é chocolate não pode haver erro certo? :)














Ingredientes (+/- 18 crinkles)

2 ovos
60 gramas de manteiga
130 gramas de açúcar
65 gramas de cacau em pó
130 gramas de farinha de trigo
1 colher (chá) de fermento em pó
1 colher (chá) de extracto de baunilha
1 colher (chá) de canela em pó
q.b. açúcar em pó

Preparação 

Numa tigela misture a farinha, o cacau, fermento em pó e a canela. 
Noutra tigela junte a manteiga e o açúcar e misture. 
Adicione a baunilha, e mexa mais um pouco.
Junte os ovos, misturando entre cada adição. 
Junte os ingredientes secos, mexendo até ficar bem incorporado e uma massa espessa. 
Tape com película aderente a tigela e leve ao frigorífico por umas 5 horas, ou de um dia para o outro.
Forre um tabuleiro com papel vegetal. 
Pré-aqueça o forno a 180ºC. 
Com a ajuda de uma colher forme bolas com as mãos (não muito grandes), e passe por açúcar em pó.
Coloque-as no tabuleiro espaçadas umas das outras. 
Leve ao forno durante uns 12 minutos, mas verifique. 
Retire do forno e deixe arrefecer.


Notas: Trabalhe a massa o mais rápido possível ao formar os biscoitos, pois a massa deve ir fria para o forno, não deixe amolecer. 


Bom Apetite!


14 de agosto de 2016

Água detox de pepino

Eu adoro água, bebo naturalmente e para mim não é nenhum esforço. Mas existem pessoas que não conseguem beber, não gostam, e aromatizando-as torna-se mais agradável. Vi esta receita com pepino, e embora curiosa, estava de pé atrás porque pensei que ia ter um sabor não muito aprazível. Mas fiquei surpreendida é muito boa, tem um sabor suave, e bem fresca é perfeita. Além dos benefícios naturais de bebermos água por si só, o pepino acresce ainda mais alguns. É na minha opinião uma excelente opção para toda a gente. Quem diria que este fruto tão banal, tivesse tanto para dar a nível nutricional?

Ingredientes

1,5 lt de água
1 pepino
4 folhas de hortelã

Preparação

Lave e corte alguma da casca do pepino (não toda).
Corte em rodelas.
Coloque num jarro, juntamente com as folhas de hortelã picadas grosseiramente.
Junte a água e mexa uns segundos.
Antes de consumir a água deixe repousar uns 30 minutos.
Consuma a água no máximo de 3 a 4 horas.
Pode beber ao natural ou conservar no frigorífico. 

















Ajuda na hidratação geral do corpo 
A água é naturalmente muito importante para a hidratação do corpo, e o pepino têm uma percentagem elevada de água, o que o torna um extra nesta função.

Ajuda a regular a pressão arterial
Por o pepino ser rico em potássio, esta água auxilia juntamente com uma alimentação mais saudável a manter a pressão arterial em níveis normais, para evitar as doenças associadas a uma pressão alta.

Ajuda a controlar o apetite
Ao bebermos esta água vamos ficar com uma sensação de saciedade, que ajuda a controlar a gula até à hora da refeição.

Ajuda a manter a pele mais saudável
Quando estamos bem hidratados a nossa pele é naturalmente mais saudável, mas possuindo o pepino sílica, um mineral importante para a saúde da pele (controla a acne,e as irritações da pele, crescimento de unhas e cabelo), torna-se um aliado ainda maior.

Mais vitaminas e minerais
Adicionando pepino à água vamos ter vitaminas extras . O pepino possui vitaminas B B2, B3, B5, B6, C, Ácido Fólico, FerroCálcioZinco, Fósforo, Potássio e Magnésio.


Mas o meu grande problema é como conservar o pepino. Simplesmente eles acabam-se por estragar, e neste mês de Agosto nos Frescos do Continente, o pepino está em destaque. No site têm toda a informação, desde sugestões, vídeos com receitas, curiosidades...e o que mais me importa, a conservação dos alimentos. Podem obter essa informação acerca do pepino clicando na imagem abaixo. Mas este mês mais 3 produtos estão em destaque. O robalo, esse peixe tão saboroso. Uvas, uma fruta doce e tão rica em tantos aspectos. E por último a Picanha, essa carne saborosa perfeita para almoços longos de Verão. Já sabem, para saberem mais, acessem apartir da imagem do alimento que vos desperta mais curiosidade. O site Frescos do Continente, é interactivo, e de fácil navegação, vão encontrar de formar simplificada tudo que querem saber.

Kellogg's special K e All Bran

Recebi esta caixa da marca Kellogg's com uma novidade. O biscuit moments chocolate delux. É um biscoito de cacau, com recheio de chocolate e cobertura de baunilha, gostei do sabor, irá agradar certamente aos mais gulosos. Já conhecia as barras de cereais de frutos vermelhos (são muito boas), mas os restantes snacks não tinha ainda provado. Claro, que eu estou sempre disposta a experimentar novos produtos, por isso é sempre uma mais valia! Os dois produtos All Bran curiosamente são os meus favoritos, não sendo doces, são muito agradáveis para quem gosta de sabores mais intensos e pouco doces. O bolinho de chocolate com aveia, é denso, levemente amargo, mas surpreendentemente agradável. As barras de chocolate All Bran são crocantes, muito pouco doces, mas viciantes. Estes snacks são práticos para levar para o trabalho, e saborosos para partilhar num lanche entre amigos...
Mas claro, agora uma opinião pessoal: devem ser consumidos e apreciados com moderação.






13 de agosto de 2016

Sunquick sabor Iced Tea de Limão

Eu normalmente só bebo água, é a minha primeira escolha e preferência, mas se tiver de optar por uma bebida, um sumo em alguma ocasião, Iced Tea (não gosto de bebidas com gás) sem dúvida de preferência sabor limão é uma das minhas escolhas. Qual não é a minha reacção quando recebo este Sunquick (concentrado de fruta), com um novo sabor. Fiquei muito curiosa, e não me desiludi. É muito refrescante e sabe mesmo a um bom Iced Tea



















Esta é uma edição especial de 840 ml, que serve até 8,4 litros de sumo, o que equivale a mais de 40 copos. Sunquick não contém aromatizantes, adoçantes ou corantes artificiais.

11 de agosto de 2016

Smoothie de manga tropical

Eu adoro manga, sou capaz de comer facilmente mais que uma, se tiverem naquele ponto certo. São doces, sumarentas, para mim das frutas mais saborosas. E desta feita, em vez de a comer ao natural, decidi fazer um batido bem guloso, com um sabor tropical, mesmo a saber a Verão. Eu gosto de congelar a manga (e a fruta) antes de fazer sumos ou batidos. Além de ficarem mais frescos, dão uma consistência mais cremosa. E assim não precisamos de usar gelo, que iria tirar sabor ao batido, pois é água não é verdade? Fica doce, o toque da hortelã faz a diferença também...enfim! Das melhores bebidas que fiz nestes dias de calor. Se fosse a vocês fazia ai em casa, esta combinação de ingredientes é muito boa! Partilhei também em video, não que seja muito complicado, afinal não há ciência em fazer um batido, mas se quiserem dêem uma vista de olhos!



Ingredientes

1 manga em pedaços (congelada)
150 ml de iogurte líquido sabor Piña colada
100 ml de sumo de laranja (espremido na hora)
1 folha de hortelã

Preparação

Colocar no liquidificador o iogurte liquido, o sumo de laranja, a hortelã e a manga.
Triturar até ficar cremoso.
Sirva bem fresco.

Nota: Podem substituir o iogurte liquido por 100 ml de leite de coco, e 1 rodela de abacaxi fresco partida aos cubos. 


Desfrutem!


1 de agosto de 2016

Bolo pudim - receita em vídeo

Já tenho a receita de Bolo pudim aqui no blogue há bastante tempo, e é das receitas mais procuradas, logo fazia todo o sentido que gravasse um vídeo. É dos meus bolos preferidos, não têm ingredientes extraordinários, mas mesmo assim fica um bolo muito saboroso. Só vos posso dizer que comi metade do bolo, não de uma vez, mas foi difícil de controlar (ups)! Agora vou ter de fazer um detox. Por graça comentei com a minha mãe que não podia fazer mais este bolo (é que isto torna-se uma desgraça)! :D 



















Se ainda não subscreveram o meu canal de YouTube, façam aqui: Da Panela para o Coração





29 de julho de 2016

Bacalhau à Brás com courgette e cebolinho

Uma das minhas receitas favoritas de bacalhau, é Bacalhau à Brás. Já tenho aqui no blog uma receita mais tradicional, mas desta vez decidi partilhar uma com courgette e cebolhinho. São umas adições que tornam o prato ainda mais saboroso. 

















Ingredientes (serve 6 pessoas)

400 gramas de bacalhau desfiado (demolhado) 
200 gramas de batata palha frita (de compra ou feita em casa veja aqui)
1 courgette pequena
2 cebolas médias
2 dentes de alho grandes
5 ovos tamanho L 
1 folha de louro
1 colher (sopa) de salsa fresca picada
1 colher (sopa) de cebolinho picado
q.b. pimenta preta
q.b. azeite (de boa qualidade)
q.b. azeitonas pretas

Preparação

Corte a cebola em meias luas finas, e lamine os dentes de alho. 
Com um ralador rale a courgette. 
Numa frigideira grande anti-aderente coloque azeite até cobrir o fundo (mas não em demasia).
Coloque a cebola, o alho, e o louro, deixe refogar até a cebola amolecer e ficar com uma cor translúcida (não deixe alourar).  
Junte a courgette e salteei mais um pouco. 
Junte o bacalhau, misturando no refogado e condimente com pimenta a gosto. 
Deixe cozinhar uns minutos.
Junte a batata palha aos poucos, e vá misturando cuidadosamente.
Deixe a batata amolecer um pouco. 
Junte a salsa e o cebolinho. 
Numa tigela bata bem os ovos com um garfo. 
Verta os ovos no bacalhau, e envolva bem até cozinharem (não em demasia, para não ficarem secos). 
Coloque no prato de servir e guarneça com azeitonas.


Bom Apetite!


27 de julho de 2016

Jameson Ginger & Ale - O novo Cocktail

As noites de calor pedem bebidas refrescantes, e saboreadas rodeadas de amigos tem outra intensidade. O whiskey Jameson surge agora com uma combinação de 3 ingredientes improváveis, mas que surpreendem pelo sabor. Um brinde ao Verão e à amizade! 
tchin tchin



23 de julho de 2016

Como sonhar não custa...

Sonhar não custa, e ainda é gratuito...e eu não sei vocês, mas eu gosto muito do design da marca SMEG. Tem um estilo retro anos 50 que eu particularmente aprecio bastante. Agora está à venda na Worten. Lembrem-me para me manter longe (ahah) estou a brincar, um dia talvez tenha um destes. Pronto, como sou menina que pede pouco, podem ser (só) estes equipamentos ;)

Em cima da minha bancada da cozinha podem ficar estas belezas! A cor é rosa, sim, porque eu sou uma girly girl, mas existem outras cores disponíveis no site também muitoooo bonitas. A batedeira, a chaleira, o liquidificador e a torradeira já estão na lista! :D Ah...e não nos vamos esquecer também de um frigorífico para guardar o que sobra dos meus pratos...e olhem que giras iam ficar as frutas coloridas nele, adoro estes frigoríficos de uma só porta, é lindo! :D Mas nem só de aparência se fazem os electrodomésticos claro...também é importante (talvez o mais) saber as suas especificidades, e o preço. Pronto...vou continuar a sonhar! Ou melhor, vamos? ;) 


Bolachas de caramelos Werther's



Ingredientes (cerca de 20 bolachas)

110 gramas de manteiga com sal
100 gramas de açúcar amarelo 
40 gramas de açúcar branco
1 ovo 
1 colher (chá) de extracto de baunilha
180 gramas de farinha de trigo 
1 colher (café) de bicarbonato de sódio 

Preparação 

Pique com uma faca os caramelos em pedaços bem pequenos, e reserve no frigorífico. 
Bata a manteiga com os açúcares até ficar cremoso.
Junte o ovo, e o extracto de baunilha, bata novamente.
Incorpore a farinha peneirada com o bicarbonato de sódio, misturando bem com uma espátula ou colher de pau. 
Adicione os pedacinhos de caramelos, misture bem. 
Forre um tabuleiro de forno com papel vegetal. 
Com a ajuda de uma colher de sopa, retire um pouco de massa, forme pequenas bolas e coloque no tabuleiro. 
Leve ao frigorífico pelo menos 1 hora para a massa ficar bem fria. 
Entretanto pré-aqueça o forno a 180ºC.
Leve ao forno entre 15 a 18 minutos.
Deixe arrefecer totalmente antes de servir. 


Bom Apetite!


Werther's Original

Quando nos chegam estes pequenos mimos, não há como não ficar de sorriso nos lábios! Eu não sei vocês, mas eu sou fã dos Werther’s Original. Mas fiquem atentos, que vou trazer uma receita bem gulosa que com certeza vai agradar desde os miúdos aos mais graúdos. Mas tem de gostar de caramelo, isso é obrigatório! :D 



Foram criados com muita dedicação numa pequena localidade Alemã, Werther. São feitos com ingredientes selecionados de qualidade (natas frescas, manteiga, açúcar branco e amarelo e uma pitada de sal).  São famosos, mas a sua fama tem um motivo: são um pequeno deleite!

22 de julho de 2016

Sanduíche de ovo

No Verão a vontade de comer pratos mais elaborados para mim é pouca. Logo as sandes, saladas, refeições mais leves são a opção que encontro. E uma sanduíche bem preparada por vezes é melhor que muitos pratos completos. Esta sugestão é bem simples, mas é muito apetitosa. A combinação do ovo cozido, com a maionese e o cebolinho é muito, muito boa.  Eu como já disse várias vezes não sou a maior fã de maionese, mas se combinada com outros ingredientes consigo gostar bastante até. Quando recebi esta nova maionese da Heinz fiquei bastante curiosa para experimentar, e numa simples sanduíche pareceu-me uma boa ideia para ter uma melhor percepção do seu sabor. E confirma-se, é [realmente] deliciosa. É bem leve no sabor. E para mim o melhor é a sua composição, não têm uma lista (tão) grande daqueles ingredientes esquisitos que não sabemos identificar na embalagem. Vou vos deixar com algumas das suas características: 

| É feita com ingredientes simples e de qualidade;
| Preparada com ovos de galinhas do campo;
| Sem espessantes, corantes ou sabores artificias. 



Ingredientes (1 ou 2 pessoas)

2 ovos 
2 fatias de pão (da vossa preferência)
1 colher (sobremesa) de cebolinho picado 
q.b. sumo de limão (espremido na hora)
q.b. pimenta preta 

Preparação 

Numa caçarola coloque os ovos e deixe ferver durante 1 minuto. Retire do lume, tape e deixe repousar 8 minutos. (ficam cozidos na perfeição)  
Passe-os por água fria e retire a casca.
Corte em pedaços pequenos.
Numa tigela junte os ovos cozidos, a maionese, o cebolinho, umas gotas de sumo de limão e condimente com um pouco de pimenta preta.
Misture tudo muito bem.
Coloque o recheio na fatia do pão e tape com a outra.
Sirva preferencialmente fria.


Bom Apetite!