domingo, 30 de dezembro de 2018

Cheesecake Americano | Comidas do Mundo - EUA

Chegou o penúltimo dia do ano, assim como a última receita da rubrica "Comidas do Mundo" e desta vez trago uma sobremesa deliciosa, que nunca tinha preparado. Fez as delicias cá de casa. É simples, mas muito saborosa. Um cheesecake. Por isso, escusado será dizer que os Estados Unidos da América (EUA) é o país escolhido para fechar o conjunto de 12 receitas que fui partilhando ao longo do ano.
Cheesecake é um doce bastante consumido e afamado nos EUA. 
Esta receita que trago é uma junção da receita "original" do típico cheesecake "New York Style", com umas adições que achei que traria mais sabor ao cheesecake. E acreditem, ficou tão, mas tão saborosa! Habitualmente leva também uma cobertura de doce de framboesa ou de frutos vermelhos, mas achei que não era preciso. Não deixem de experimentar em vossa casa!

Sempre tive uma enorme curiosidade em visitar os EUA, particularmente Nova Iorque. Acho que assim como eu, também muita gente tem essa curiosidade e ambição. Mas confesso, que com o passar dos anos esse desejo foi-se desvanecendo, muito graças ao meu pânico de pensar em estar fechada dentro de um avião por tantas horas. Ainda que fosse, outros destinos dentro do país estariam na minha lista, como por exemplo o Alaska, ou então uma aventura pela mítica Route 66, isso seria tão brutal. Mas vou me contentando com vídeos, filmes, documentários...

É natural existir este fascínio pelo país, muito pelo que entra pelo ecrã, mas sendo uma das nações mais poderosas do Mundo, desperta curiosidade. O estilo de vida Americano, assim como a sua cultura, ainda que grande parte não seja digna de admiração, é idolatrada e seguida por pessoas de todo o Mundo. Talvez pelo facto de serem extremamente patriotas.
Muitas são as curiosidades acerca deste país tão, posso arriscar dizer, controverso, mas não falarei muito, pois a maioria já conhecem os seus hábitos.

No entanto, falando da parte da comidinha, os Americanos tem uns hábitos bem característicos, tais como comer apenas ao almoço uma sandes ou salada rápida, deixando a refeição mais completa para o jantar. Tem como pequeno-almoço standard ovos mexidos, bacon, torradas e as panquecas. É natural terem da taxa de obesidade maior do Mundo, já que por exemplo, os restaurantes de fast-food oferecem o refill sem limite dos refrigerantes. São os reis do churrasco, onde não falta o molho barbecue. A comida é tradicionalmente em tamanho XL, assim como os refrigerantes. Claro que existe uma enorme diversidade em termos de gastronomia, na mesma medida em que a diversidade étnica é também imensa. São diversos e para todos os gostos os restaurantes. Pelos restaurantes Americanos é comum servirem jarro e copos de água de forma gratuita, o que sabemos que por aqui é ainda pouco visto. 

A comida tradicional, ou mais consumida dos EUA é tudo menos saudável, mas sempre fez parte do  nosso imaginário, já que é recorrente a vermos nos filmes e séries. 
As panquecas são um standard ao Pequeno-almoço americano. Altas e fofas, acompanhadas com manteiga e syrup
Uma sobremesa bem conhecida é a famosa Apple Pie. Apesar de não ter sido criada nos EUA, é já uma imagem de marca no país em termos de comfort food.  
Outra sobremesa bem típica é a Pumpkin Pie (tarde de abóbora), umas das favoritas por altura do Thanksgiving (Dia de Ação de Graças).

Outros pratos doces e salgados:

- Brownie
- Barbecue ribs
- Meatloaf
- Mac and cheese
- Key lime pie
- Fried chicken
- Hamburger 
- Buffalo wings 
- S'mores 
- Reuben sandwich
- Clam chowder 
- Tater tots




Ingredientes

1 kg de queijo-creme à temperatura ambiente
190 gramas de crème fraîche
3 ovos grandes
265 gramas de açúcar branco
30 gramas de amido de milho
1 laranja pequena (raspa)
1 limão pequeno (raspa)
1 colher (chá) de extrato de baunilha

200 gramas de bolachas digestivas
110 gramas de manteiga sem sal derretida
40 gramas de amêndoas torradas (opcional)
1 colher (café) de canela em pó (opcional)

Preparação 

Comece por triturar muito bem as bolachas e as amêndoas (textura de areia fina).
Junte a manteiga derretida às bolachas e misture muito bem.
Coloque esta mistura numa forma de aro amovível de 25 cm e pressione bem o fundo e um pouco as laterais.
Forre a forma com folha de papel de alumínio para se certificar que nada vaza.
Leve ao forno pré-aquecido a 170ºC cerca de 10 a 15 minutos.
Para o creme do cheesecake, bata o queijo com o açúcar branco até ficar cremoso, mas não em demasia.
Adicione o crème fraîche e bata mais um pouco até estar incorporado. 
Junte os ovos, batendo um a um.
Junte por último,o extrato da baunilha e as raspas da laranja e do limão. Envolva tudo muito bem.

Barra as laterais da forma com um pouco de manteiga. Verta o preparado na forma e leve ao forno entre 50 minutos a 1 hora, mas vá verificando e controlando. Depois desse tempo passado, desligue o forno e deixe ficar o cheesecake lá dentro por 1 hora a arrefecer.
Retire do forno e deixe no frigorífico por mais umas 5 horas (ou de um dia para o outro) antes de desenformar.

Sirva simples, ou cubra com doce de framboesa, morango, ou outro doce ou topping ao vosso gosto.


Bom Apetite!



sábado, 22 de dezembro de 2018

Boas Festas!



sexta-feira, 21 de dezembro de 2018

Giveaway de final de ano - ZOMATO GOLD

Gostas de comer fora? Conheces a aplicação Zomato? És utilizador? 
Então não percas a oportunidade de começar o ano da melhor maneira! 
Sim, eu sei que vais comer bastante nestes dias que se aproximam, mas qualquer desculpa para conhecer um local novo é válida. Por isso acho que vais gostar do que temos para te oferecer! 



Está a decorrer um passatempo no meu Instagram, onde em parceria com a Zomato estamos a oferecer uma subscrição Zomato Gold de 3 meses
Corram lá ao meu Instagram para saber como participar! 


quarta-feira, 19 de dezembro de 2018

Laddu de cenoura e coco | Comidas do Mundo - Índia

Esta publicação já devia ter sido feita no final do mês de novembro, mas o tempo foi curto e fui deixando passar. Mas aqui está ela. Até porque vamos viajar até à Índia, que diga-se de passagem, é um país que merece atenção. Esta é a penúltima receita da rubrica "Comidas do Mundo". Nem acredito que o ano de 2018 está quase a terminar. A vida passar mesmo a correr! 
Posto isto, da Índia trago uma receita doce. Estava muito indecisa no que iria trazer. Pensei nos mais variados pratos salgados, mas à última hora, decidi que não. Tinha de ser um doce. E ainda bem, pois este Laddu de cenoura e coco é estranhamente delicioso. É diferente dos doces que estamos habituados a consumir, mas vale muito a pena experimentar. Laddu é o nome que se dá a umas bolinhas feitas com cenoura e condimentadas com cardamomo, mas onde se podem juntar os mais variados ingredientes (uvas passas, cajus, coco, feijão mungu, etc...), são também preparadas em épocas festivas. 
E porque não colocar juntamente na mesa dos doces de Natal? No mínimo inusitado, mas certamente iria fazer as delícias dos mais gulosos e temerários (em termos de novos sabores). 

A Índia, esse país tão rico, cultural, exuberante, apaixonante e diversificado é adorado por milhões de pessoas e tem algumas curiosidades bem interessantes. Algumas já "todos" conhecemos, outras nem por isso, o que fará com que nos surpreendamos. Vou escrever algumas delas por tópicos, para ser de mais fácil leitura. Quem viaja para lá, ou ama, ou odeia. Mas tudo depende da experiência que cada um vive e sente. Também a fase da vida em que nos encontramos pode ser determinante para que a vivência seja melhor ou não. Mas tal como eles (a maioria) a praticam, é uma questão de espiritualidade e alma. 

- Foram os indianos que inventaram o champô. Claro que não na forma como é utilizado hoje, mas com uma base de ervas e que servia para massajar o cabelo (palavra champu);
- Adoram a milhares de Deuses (Brahma, Shiva, Ganesha, etc);
- Eles são milhões e são o segundo país do Mundo a falar a língua inglesa;
- A Índia tem cerca de 1 bilião e meio de habitantes (um dos países com maior população do mundo);
- Embora seja habitual para eles (homens) se cumprimentarem com beijos na cara e abraços (entre amigos) são muito preconceituosos em relação aos homossexuais, tanto que até este ano gostar de pessoas do mesmo sexo era considerado crime;
- Sim, as vacas são sagradas, os indianos não comem carne de vaca ou boi;
- Mas contrariamente ao que se pensa, nem todos os indianos são vegetarianos. Nem tão pouco são a maioria. Peixe, carne de frango e cabrito é bastante consumida;
- A Índia cria muito gado, tanto que é o país do mundo onde é produzida a maior quantidade de leite;
-A comida é MUITO picante, usam e abusam das especiarias;
- Em alguns locais da Índia, o consumo e comercialização de álcool é proibido por lei;
- Comem com as mãos. É uma tradição bastante enraizada. Pois acreditam que o corpo está em sintonia com os elementos da natureza e que as mãos possuem poder;
-  No entanto, use apenas a mão direita para pegar na comida (saudar e pagar as coisas), porque na visão deles a mão esquerda é considerada suja e impura;
- Comem também usualmente no chão, mesmo em famílias mais ricas;
- A maioria dos indianos não utiliza papel higiénico. Na nossa cultura é estranho pensar em algo parecido, mas eles lavam-se com água, não utilizam papel;
- É verdade, a casa-de-banho é um pouco diferente da nossa. A sanita em alguns locais é apenas um buraco no chão, o que nos obriga a ficar agachado de joelhos (até  é saudável, certo?); 
- Praticamente não existem leis de trânsito (é caótico), por isso, boa sorte a carregar na buzina e no acelerador e travão;
- A Internet é super acessível e económica;
- Os Indianos adoram cinema e são grandes produtores de filmes;
-  São muito espirituais e tem uma ligação especial com a natureza, por isso milhares de forasteiros procuram a Índia como local de encontro com a luz e de um sentido para a vida;




Ingredientes (cerca de 10 bolinhas)

2 cenouras grandes raladas (cerca de 150 gramas)
75 gramas de coco ralado
125 gramas de açúcar branco
1 colher (café) de cardamomo em pó 
1 colher (sopa) de ghee ou manteiga 
q.b. amêndoas ou cajus

Preparação 

Numa frigideira anti-aderente coloque ghee ou manteiga. 
Deixe derreter e junte a cenoura. Mexa e deixe cozinhar em lume baixo uns minutos, mexendo de vez em quando. 
Junte o coco e misture tudo muito bem. Deixe cozinhar mais um minuto. 
Adicione o açúcar envolvendo muito bem na cenoura e no coco. 
Tape a frigideira e deixe cozinhar uns 5 minutos em lume brando. Vá mexendo de vez em quando o preparado.
Junte o cardamomo e misture muito bem. 
Deixe cozinhar apenas mais um minuto.
Coloque o preparado numa taça e deixe arrefecer um pouco até conseguir trabalhá-lo. 
Forme pequenas bolas e decore com amêndoas ou cajus.


Bom Apetite!


Howdy!? Este final do mês (e a última receita da rubrica) terminamos com uma sugestão de um país que era conhecido como a "Terra das Oportunidades".  See you later!!